21.7.18

Burlões e aldrabões

O Presidente da Câmara de Pedrógão Grande ainda experimentou o argumento da inveja… O vizinho denuncia porque é invejoso, pelo menos, desde o século XVI - ver Garcia de Resende… Camões acabou por escrever a Epopeia, sem no entanto, escapar à inveja coeva que lhe limpou a biografia. O próprio revela sintomas da doença coletiva, pois o Gama não se lhe compara em engenho e arte…

Não são só as multas que prescreveram. PS, PSD e CDS foram condenados pelo Tribunal Constitucional, em 2013, a devolver um milhão de euros, mas o Parlamento confirma ao SOL que chegou a ‘acordo’ com os partidos e nem todos os montantes que lhe eram devidos foram pagos. AR perdoa as dívidas dos Partidos

Durante muito tempo, utilizei o argumento da inveja, apesar de não ignorar o conteúdo da ARTE DE FURTAR, agora, creio que vou recuar e passar a defender a ideia de que a matriz da portugalidade está desde o início contaminada pela burla e pela aldrabice… e a literatura não passa de um aformoseamento da realidade, como diria o Fernão Lopes, entretanto, mandado recolher à Torre do Tombo.