23.7.18

Iliteracia funcional

Um dia Edgar Poe escreveu que nove em cada dez casos, no jogo de xadrez, quem ganha é o jogador mais atento e não o mais hábil…
Admitindo que o escritor tem razão, parece-me que as escolas, em vez de discutirem a desatenção e a dispersão provocadas pelos smartphones, tablets e computadores, melhor seria que promovessem atividades capazes de fixar a atenção duradoiramente. 
Se tal tivesse acontecido, não teríamos hoje um acréscimo de iliteracia funcional… nem tantos habilidosos intrujões e burlões...