Abexim me confesso

Nós todos, homens, que neste mundo vivemos opressos pelos vários desprezos dos felizes e pelas diversas insolências dos poderosos - que somos todos nós neste mundo, senão abexins?
Fernando Pessoa, Outubro 1935

6.8.17

Servidão

Servidão.
Com Cristo ou com cidra, tudo o que se enxerga é combinação de interesses e de prazeres... Mas quem lucra esconde-se, sabendo que cedemos voluntariamente
Primeiro, a maçã; depois, o enjoo e a ressaca...
A música, apesar da variação, cresce ao som da vara que se afoga como se dela pudesse jorrar toda a água que nos falta... 
Mas não. Apenas um tempo de torpor.